05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  António Guedes em Seg Out 11, 2010 11:40 pm

Aqui fica o mapa com o novo percurso da Maratona.

Uma vez mais, a Meia Maratona terá o percurso da 2ª metade da prova principal.

avatar
António Guedes

Mensagens : 2133
Data de inscrição : 19/10/2009
Idade : 46

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Jorge Serra em Seg Dez 06, 2010 9:13 am

Classificações disponibilizadas by Francisco Pereira. (provisórias)

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Jorge Serra em Seg Dez 06, 2010 9:17 am

Fotos equipa disponibilizadas.

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Jorge Serra em Seg Dez 06, 2010 9:26 am

Caros Maratonistas,

Quero dar os parabéns a todos por terem concluído mais uma Maratona, alguns quatro semanas após o Porto, outros ainda com Algarve, Porto e Lisboa no espaço de dois meses, corajosos!

Espero que recuperem bem, de forma o mais tranquilo possivel.

Permitam-me que particularize os meus parabéns, primeiro ao Luís Albuquerque, foi o 1º da equipa na segunda maratona da sua carreira!

Os meus parabéns também ao meu amigo Paulo Torrão que ontem foi o segundo da ACB, mercê da sua regularidade nos treinos (tens tudo para seres um dos melhores, se não o melhor!), e por último ao meu amigo Francisco que, com o seu gémeo Nuno E. Santo deu mais uma vez mostras de como se corre uma maratona!

Grande abraço.

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  António Guedes em Seg Dez 06, 2010 10:49 pm

Classificações disponibilizadas.
avatar
António Guedes

Mensagens : 2133
Data de inscrição : 19/10/2009
Idade : 46

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Lúcia Oliveira em Ter Dez 07, 2010 9:12 am

António Guedes escreveu:Classificações disponibilizadas.

António, posso fazer uma correcção?
Penso que a Rute não desistiu...

471 1504 RUTE MATOS 40 F3544 8 F AÇOREANA C BANIF 03:53:16

Lúcia Oliveira

Mensagens : 359
Data de inscrição : 16/10/2009
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Jorge Serra em Qui Dez 09, 2010 2:21 pm

Lúcia Oliveira escreveu:
António Guedes escreveu:Classificações disponibilizadas.

António, posso fazer uma correcção?
Penso que a Rute não desistiu...

471 1504 RUTE MATOS 40 F3544 8 F AÇOREANA C BANIF 03:53:16

Lúcia,

A Rute não se sentiu bem na parte final e fez uma parte do percurso de metro.

Oportunamente a Rute solicitará à Xistarca a devida correcção.

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Jorge Serra em Qui Dez 09, 2010 5:03 pm

Mais fotos disponiveis by Nuno E. Santo, estas da mini.

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Lúcia Oliveira em Qui Dez 09, 2010 5:59 pm

JorgeSerra escreveu:
Lúcia Oliveira escreveu:
António Guedes escreveu:Classificações disponibilizadas.

António, posso fazer uma correcção?
Penso que a Rute não desistiu...

471 1504 RUTE MATOS 40 F3544 8 F AÇOREANA C BANIF 03:53:16

Lúcia,

A Rute não se sentiu bem na parte final e fez uma parte do percurso de metro.

Oportunamente a Rute solicitará à Xistarca a devida correcção.

Bem, sendo assim, retiro a correcção!!! silent
Como a vi chegar pensava que tinha terminado a maratona... Rolling Eyes

Lúcia Oliveira

Mensagens : 359
Data de inscrição : 16/10/2009
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Fernando Andrade em Sex Dez 17, 2010 10:31 am


Caros amigos
Toda a gente conhece o valor da Rute, pelas suas qualidades de grande atleta e pela experiência e pela sua postura de estar na Corrida.
A marca com que aparece creditada na Maratona de Lisboa, é claro que é superior em meia hora, à que ela consegue fazer em condições normais, pelo que ninguém estranha que, numa prova que lhe corra mal, entre na casa das 3,50.
Desta vez, as coisas não lhe correram bem e, sensatamente, entendeu desistir. Cometeu, no entanto um erro : depois de -como já foi dito- ter feito uma parte do percurso de metro, entrou a correr no estádio e passou o tapete da linha da meta (!), aparecendo, por isso, classificada.
Se a Organização não detectou (e isso seria muito difícil) há atletas que, à posteriori, ao ver a listagem dos resultados, reparam.
A correcção que o Jorge disse que iria ser solicitada à Xistarca, não foi feita (ou não foi atendida) e a Rute continua a aparecer classificada e a causar estranheza a atletas que assistiram à sua desistência.
Depois... lá vêm à praça pública (no forum do mundodacorrida.com com textos como este de Paulo Andrade, que transcrevo::

PauloAndrade
View Profile View Forum Posts Private Message Add as Contact
--------------------------------------------------------------------------------

Join Date:Dec 2010
Posts:1 Batota na Maratona de Lisboa
Muito ponderei se devia divulgar isto ou não, porém acho que a verdade deve ser conhecida:

Uma corredora de nome RUTE MATOS que participou na Maratona a representar a AÇOREANA C BANIF não cumpriu o percurso da prova e encontra-se classificada!

Para fazer tal afirmação demo-nos ao trabalho de verificar todas as possibilidades, e não tivemos dúvidas em afirmar que esta senhora fez batota.

Na verdade a minha companheira ultrapassou a pseudo-atleta RUTE MATOS junto aos 35KM (na Av. Ribeira das Naus, após o Cais do Sodré) quando esta caminhava.

Qual o seu espanto ao verificar que ela tinha chegado à sua frente sem que a tenha ultrapassado novamente.

Nestes 10 dias estivemos a falar com outros atletas que confirmaram o facto. Não tínhamos dúvidas, houve batota!

Face a isso exigi que o facto seja público de notório de forma a ser reposta a verdade e evitado que essas situações voltem a ocorrer.

Se na alta competição tal situação é inaceitável, junto de modestos atletas de pelotão, tal situação é vergonhosa!
Não é que a subida da minha companheira do seu lugar em uma posição afecte a sua vida, porém a classificação entre os 10 primeiros deve possuir alguma honestidade.


Fico triste com isto, pois sei que se tratou de uma atitude irreflectida.

Mas, em nome da verdade desportiva, que a ACB sempre tem defendido, tomarei a liberdade -se tal me for permitido, responder a este comentário, a que ninguém poderá retirar a razão. Nem a própria Rute, mereceria isto.
avatar
Fernando Andrade

Mensagens : 195
Data de inscrição : 15/11/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Lúcia Oliveira em Sex Dez 17, 2010 12:08 pm

Fernando,

Só quem não conhece a Rute pode dizer uma coisa assim... Crying or Very sad
De facto é triste ver comentários destes...
Todos nós sabemos o valor da Rute... e isso é o mais importante nesta história!!! Razz

Lúcia Oliveira

Mensagens : 359
Data de inscrição : 16/10/2009
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Fernando Andrade em Sex Dez 17, 2010 4:25 pm


Caros amigos
Partilho convosco o texto que já de seguida vou colocar no forum do Mundo da Corrida:
Pratico a Corrida há 35 anos e sempre defendi a verdade desportiva como um dos principais pilares do meu comportamento enquanto corredor. E sempre corri individualmente, por grupo de amigos ou por equipa. Sempre com o mesmo espírito. E com o mesmo espírito, “fiz” outros correrem, envolvendo-me na organização de uma prova que vai para a 35ª Edição.

"Quando há 5 anos atrás me fizeram um convite para ingressar numa equipa – que era também um grupo de amigos – e que partilhava dos mesmos ideais da correcção desportiva, não hesitei e aderi. Ao longo destes 5 anos, não só pude testemunhar o comportamento exemplar de todos os elementos desta equipa, como alimentando a coesão de um grupo com o qual me fui envolvendo, constituindo amizades e cimentando os ideais com que me liguei a esta equipa, a Açoreana Clube Banif –ACB.

Quem anda nestas andanças há muito tempo, conhece, com toda a certeza, a Rute Matos, figura insuspeita, que se destaca no pelotão, que tem um passado no mundo das corridas, de que pode orgulhar-se, contando no seu palmarés, por mérito prório, com centenas de provas, dezenas de maratonas e muitas ultramaratonas.

Nunca, ao longo de vários anos, alguém ousou apontar-lhe o dedo, como trapaceira, batoteira, ou querendo prejudicar terceiros, nas suas participações.

O Paulo Andrade, a quem não retiro razão no que disse, mas no modo como o disse, faz, neste tópico, um julgamento da pessoa, com base num procedimento infeliz e irreflectido que a Rute teve, estendendo o facto a toda a equipa da ACB que, segundo diz, “nada fez para esclarecer a situação”.

Perante aquilo que aqui foi dito, e por me honrar de pertencer ao mesmo grupo a que a Rute pertencer ao mesmo grupo a que a Rute pertence – e que aqui é denegrido – sinto o dever de clarificar a situação.

Assim:

1- Irreflectidamente, mas por pensar que não iria afectar ninguém dada a marca modesta que faria, a Rute, depois de ter desistido –repito, erradamente – entrou no estádio e corta a meta.
2- Quando, no fórum da ACB, são referidas as classificações dos seus atletas, a Rute não constava na listagem (ou melhor, constava como dnf);
3- É feita uma observação pela Lúcia Oliveira, outra atleta da equipa, referindo que, afinal a Rute, constava na classificação da prova;
4- Há um esclarecimento do director da equipa, Jorge Serra, dizendo que ela tinha desistido por volta do km 35, por não se sentir bem e que tinha falado com ele após a prova.
5- Nesse preciso momento, o director da equipa disse à Rute para comunicar o facto à Xistarca, para que fosse rectificada a classificação, mas ela entendeu que, isso caberia à equipa.
6- Não sendo a Corrida, o objectivo profissional dos elementos da equipa, mas sim um saudável complemento, o caso ficou em aberto, com a Rute a contar que fosse o Jorge a solicitar a desclassificação e o Jorge a contar que fosse a Rute que o fizesse.
7- Paulo Andrade, ao consultar as classificações detectou a irregularidade e entrou em contacto com a ACB, solicitando, legitimamente, explicações para o facto.
8- Tais explicações foram-lhe dadas, reconhecendo-se a atitude irreflectida mas não intencional da Rute e que a correcção tinha sido solicitada à Xistarca.
9- Não satisfeito com as explicações dadas, Paulo Andrade - que não tomou por sérias as explicações dadas, nem admitiu que uma pessoa, por mais correcta que seja, por força das circunstâncias que atravessa e do desgaste físico e psíquico de uma maratona, pode provocar perturbações no seu comportamento - insiste na “teoria da intencionalidade” da Rute, recusando-se a aceitá-las, vem a público, falar de “batoteiros”.
10- O tom inicialmente cordial da conversação, “descambou”, pois não há acção que não provoque reacção de intensidade igual. E isto assume particular importância, quando se está a ser acusado daquilo que não se é.
11- A Rute, escreveu-lhe – e tomo a liberdade de reproduzir a mensagem:
Não sou "esperta" nem quis prejudicar ninguém.
Sou uma pessoa honesta com mais de 50 maratonas sem necessidade disto.
É verdade que passei a meta, passei mal estava desorientada e fui beber e comer e descansar. Entreguei o chip e não quis a medalha. No minuto a seguir avisei o meu clube ( tenho prova no meu telemóvel), do que tinha feito e para avisarem a organização. Não sabia que só eu o poderia fazer e sinceramente não liguei mais porque isso não implicava com prémios.
Não tive qualquer intenção de prejudicar a sua companheira nem ninguém.
Lamento ter feito o que fez sem ter a coragem de falar comigo primeiro. Andou a difamar-me.
Já enviei a carta à Xistarca e já lhe pedi desculpa.
Assunto encerrado.


O facto de se ser humano, arrasta consigo a possibilidade de errar. E entendo que se deve pagar pelos erros que se cometem, mas que a paga seja proporcional à gravidade do erro cometido. Trazer à praça pública a difamação de uma figura feminina que tanto tem trazido ao pelotão nacional, que a grande maioria dos corredores conhece, só porque cometeu uma falha (que até já estava esclarecida), é demasiado pesada. Parece-me um “linchamento” primário de quem precisa primeiro, de estar na posse de todos os elementos, antes de ditar uma sentença.

Caro Paulo, se inicialmente, concordei com a sua observação, deixei de concordar quando soube que a sua intolerância não lhe permitiu aceitar as desculpas que lhe foram apresentadas. Tal como o Paulo, subscrevo a verdade desportiva a todos os níveis (tanto nos primeiros lugares como nos últimos) mas entendo que aquilo que pode ser resolvido em privado não tem necessidade de ser manchete pública.
A Rute, conforme lhe disse na mensagem que lhe enviou, não esteve à espera do seu reparo, para devolver a medalha –fê-lo na hora.

Por último, desejo ao Paulo e à maratonista a que se refere, a quem saúdo, uma longa vida no Mundo das Corridas, um mundo que, afinal, espelha a realidade nos outros domínios da vida.

avatar
Fernando Andrade

Mensagens : 195
Data de inscrição : 15/11/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Virgílio Madeira em Sex Dez 17, 2010 5:20 pm

Fernando Andrade escreveu:
Caros amigos
Partilho convosco o texto que já de seguida vou colocar no forum do Mundo da Corrida:
Pratico a Corrida há 35 anos e sempre defendi a verdade desportiva como um dos principais pilares do meu comportamento enquanto corredor. E sempre corri individualmente, por grupo de amigos ou por equipa. Sempre com o mesmo espírito. E com o mesmo espírito, “fiz” outros correrem, envolvendo-me na organização de uma prova que vai para a 35ª Edição.

"Quando há 5 anos atrás me fizeram um convite para ingressar numa equipa – que era também um grupo de amigos – e que partilhava dos mesmos ideais da correcção desportiva, não hesitei e aderi. Ao longo destes 5 anos, não só pude testemunhar o comportamento exemplar de todos os elementos desta equipa, como alimentando a coesão de um grupo com o qual me fui envolvendo, constituindo amizades e cimentando os ideais com que me liguei a esta equipa, a Açoreana Clube Banif –ACB.

Quem anda nestas andanças há muito tempo, conhece, com toda a certeza, a Rute Matos, figura insuspeita, que se destaca no pelotão, que tem um passado no mundo das corridas, de que pode orgulhar-se, contando no seu palmarés, por mérito prório, com centenas de provas, dezenas de maratonas e muitas ultramaratonas.

Nunca, ao longo de vários anos, alguém ousou apontar-lhe o dedo, como trapaceira, batoteira, ou querendo prejudicar terceiros, nas suas participações.

O Paulo Andrade, a quem não retiro razão no que disse, mas no modo como o disse, faz, neste tópico, um julgamento da pessoa, com base num procedimento infeliz e irreflectido que a Rute teve, estendendo o facto a toda a equipa da ACB que, segundo diz, “nada fez para esclarecer a situação”.

Perante aquilo que aqui foi dito, e por me honrar de pertencer ao mesmo grupo a que a Rute pertencer ao mesmo grupo a que a Rute pertence – e que aqui é denegrido – sinto o dever de clarificar a situação.

Assim:

1- Irreflectidamente, mas por pensar que não iria afectar ninguém dada a marca modesta que faria, a Rute, depois de ter desistido –repito, erradamente – entrou no estádio e corta a meta.
2- Quando, no fórum da ACB, são referidas as classificações dos seus atletas, a Rute não constava na listagem (ou melhor, constava como dnf);
3- É feita uma observação pela Lúcia Oliveira, outra atleta da equipa, referindo que, afinal a Rute, constava na classificação da prova;
4- Há um esclarecimento do director da equipa, Jorge Serra, dizendo que ela tinha desistido por volta do km 35, por não se sentir bem e que tinha falado com ele após a prova.
5- Nesse preciso momento, o director da equipa disse à Rute para comunicar o facto à Xistarca, para que fosse rectificada a classificação, mas ela entendeu que, isso caberia à equipa.
6- Não sendo a Corrida, o objectivo profissional dos elementos da equipa, mas sim um saudável complemento, o caso ficou em aberto, com a Rute a contar que fosse o Jorge a solicitar a desclassificação e o Jorge a contar que fosse a Rute que o fizesse.
7- Paulo Andrade, ao consultar as classificações detectou a irregularidade e entrou em contacto com a ACB, solicitando, legitimamente, explicações para o facto.
8- Tais explicações foram-lhe dadas, reconhecendo-se a atitude irreflectida mas não intencional da Rute e que a correcção tinha sido solicitada à Xistarca.
9- Não satisfeito com as explicações dadas, Paulo Andrade - que não tomou por sérias as explicações dadas, nem admitiu que uma pessoa, por mais correcta que seja, por força das circunstâncias que atravessa e do desgaste físico e psíquico de uma maratona, pode provocar perturbações no seu comportamento - insiste na “teoria da intencionalidade” da Rute, recusando-se a aceitá-las, vem a público, falar de “batoteiros”.
10- O tom inicialmente cordial da conversação, “descambou”, pois não há acção que não provoque reacção de intensidade igual. E isto assume particular importância, quando se está a ser acusado daquilo que não se é.
11- A Rute, escreveu-lhe – e tomo a liberdade de reproduzir a mensagem:
Não sou "esperta" nem quis prejudicar ninguém.
Sou uma pessoa honesta com mais de 50 maratonas sem necessidade disto.
É verdade que passei a meta, passei mal estava desorientada e fui beber e comer e descansar. Entreguei o chip e não quis a medalha. No minuto a seguir avisei o meu clube ( tenho prova no meu telemóvel), do que tinha feito e para avisarem a organização. Não sabia que só eu o poderia fazer e sinceramente não liguei mais porque isso não implicava com prémios.
Não tive qualquer intenção de prejudicar a sua companheira nem ninguém.
Lamento ter feito o que fez sem ter a coragem de falar comigo primeiro. Andou a difamar-me.
Já enviei a carta à Xistarca e já lhe pedi desculpa.
Assunto encerrado.


O facto de se ser humano, arrasta consigo a possibilidade de errar. E entendo que se deve pagar pelos erros que se cometem, mas que a paga seja proporcional à gravidade do erro cometido. Trazer à praça pública a difamação de uma figura feminina que tanto tem trazido ao pelotão nacional, que a grande maioria dos corredores conhece, só porque cometeu uma falha (que até já estava esclarecida), é demasiado pesada. Parece-me um “linchamento” primário de quem precisa primeiro, de estar na posse de todos os elementos, antes de ditar uma sentença.

Caro Paulo, se inicialmente, concordei com a sua observação, deixei de concordar quando soube que a sua intolerância não lhe permitiu aceitar as desculpas que lhe foram apresentadas. Tal como o Paulo, subscrevo a verdade desportiva a todos os níveis (tanto nos primeiros lugares como nos últimos) mas entendo que aquilo que pode ser resolvido em privado não tem necessidade de ser manchete pública.
A Rute, conforme lhe disse na mensagem que lhe enviou, não esteve à espera do seu reparo, para devolver a medalha –fê-lo na hora.

Por último, desejo ao Paulo e à maratonista a que se refere, a quem saúdo, uma longa vida no Mundo das Corridas, um mundo que, afinal, espelha a realidade nos outros domínios da vida.


Subscrevo na integra as palavras do Fernando.
Força Rute

Virgílio Madeira

Mensagens : 242
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 58

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Francisco Pereira em Sex Dez 17, 2010 6:01 pm

Também quero dar o meu apoio á Rute, quem a conhece sabe bem que não foi com intenção de prejudicar alguém ou de tirar qualquer proveito em seu beneficio. Foi um acto irreflectido, com certeza, também concordo com a verdade desportiva, mas o seu historial no atletismo diz tudo.
avatar
Francisco Pereira

Mensagens : 1189
Data de inscrição : 16/10/2009
Idade : 50

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Nuno Espírito Santo em Sab Dez 18, 2010 2:53 pm

Para quem conhece, minimamente, a Rute, nem poderá pôr em dúvida que ela não quis prejudicar ninguém.
E agora pergunto: Será que chegou a prejudicar ALGUÉM ?!
Se cortou a meta (depois de já ter desistido) foi, como ela mesmo diz, para poder beber e descansar e não com a intenção de ludibriar ninguém.
Agora, friamente, poderemos dizer que ela deveria ter retirado o chip antes de cruzar a linha final ! Mas, sinceramente, quando nos encontramos debilitados (e por certo já aconteceu a todos nós, uma vez na vida) pensamos em mais alguma coisa senão em irmos em busca do nosso bem estar !?
Força com isso Rute. E não te deixes ir abaixo.
avatar
Nuno Espírito Santo
Admin

Mensagens : 1368
Data de inscrição : 16/10/2009
Idade : 47
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Fernando Andrade em Sab Dez 18, 2010 3:46 pm


Absolutamente de acordo com o Nuno.

Mas aquilo no forum tem estado "animado".

Voltei a deixar lá mais uma:

Caros amigos
Vejo que a “novela” teve desenvolvimento e devo dizer que considero positivo que haja discussão à volta deste tema. No entanto, antes de prosseguir, deixo a sugestão para que, se tivermos de nos desgastar, que seja por algo que valha a pena, o que não me parece ser o caso.
Como já vi aqui comentários em que se estranha que “haja alguém que esteja aqui a defender quem ande a enganar os outros”, e porque acho que fui mal interpretado no que disse, quero sublinhar que, ninguém quis tirar as razões ao Paulo Andrade, nem ninguém quis dá-las à Rute, pelo que me parece estar a assistir-se a uma vitimização excessiva em relação ao sucedido.
O que aconteceu foi que a Rute não quis retirar qualquer benefício da sua infracção (logo a intenção de lesar alguém, nunca existiu); A Rute nem quis a medalha, simplesmente a comunicação com a Organização para que não fosse classificada, não funcionou; A equipa nunca considerou a Rute classificada; A Rute pediu desculpa.
Quando uma pessoa reconhece o erro, pede desculpa e solicita à Organização a sua correcção, o que é que se pode fazer mais ?
Não foi atendida a justificação assente no desgaste psicológico e físico da maratonista, que lhe retira a capacidade de avaliação das consequências do acto. E insistiu-se na difamação, com base num acto.
Ao que parece, só a “crucificação” ou “delapidação” (consoante a crença) da Rute, seria castigo satisfatório. Então onde é que estão os princípios humanistas e tolerantes que regem a nossa cultura?
Sobre as expressões utilizadas pelo Jorge Serra, ele não precisará que o defenda, mas se compararmos o nível do vocabulário “batota versus estupidez” deverão estar próximas uma da outra, pois, cada um com as suas razões, nem a Rute é batoteira nem o Paulo será estúpido.
Mais grave que tudo isto é o facto do Paulo “se envergonhar” de contactar com “esta gente” que, aquilo que fez foi condenar a infracção, mas não condenar a infractora, pois ela própria já a tinha reconhecido antes de ser apontada.
Se por pensar assim, alguém tiver “vergonha” de mim (ou dos elementos da minha equipa), ou não quiser cruzar-se comigo, por indesejável, apenas lamento, pois é no meio do pelotão, que mais me sinto rodeado de amigos.
avatar
Fernando Andrade

Mensagens : 195
Data de inscrição : 15/11/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Esclarecimento.

Mensagem  Jorge Serra em Qua Dez 29, 2010 12:16 pm

Caros companheiros e amigos,

Pbulico no nosso forum o que acabei de publicar no forum "Mundo da Corrida":

Caros Atletas e Amigos,

Na impossibilidade de ter respondido em tempo útil quando esta discussão estava no auge, faço-o agora que estou de férias, apesar de todos me dizerem para não o devo fazer, inclusive a própria Rute. Por uma questão de respeito pela própria, não podia deixar de o fazer.

Passo então a este meu esclarecimento:

A única questão que eu gostava que ficasse de vez esclarecida, tem a ver com a minha responsabilidade em todo este processo.

Tal como escrevi ao sr. Paulo Andrade ao receber o primeiro mail deste (mais á frente publicarei a nossa troca de mails), a responsabilidade de não ter informado a Xistarca, da Rute Matos não ter cumprido todo o percurso da Maratona, é exclusivamente minha!
Isto apesar de não ter conseguido falar com a Rute, de estar obviamente zangado com ela, jamais me passaria pela cabeça que a Rute pudesse cometer um erro destes mas, e isto sim é importante que fique esclarecido, a Rute passados alguns minutos informou-me por sms do que tinha feito e pediu-me para informar a Xistarca. Como na altura ia a conduzir não pude responder nem contacta-la.
No dia seguinte quando publicámos a classificação no nosso forum, (Forum ACB: http://forumacb.forumeiros.com/), a Rute aparece desclassificada, aparece também a minha resposta à Lúcia Oliveira que perguntava qual o motivo da Rute não estar classificada uma vez que tinha ternminado a prova, à qual respondi que a Rute não tinha feito todo o percurso e que oportunamente solicitaria a devida correcção à Xistarca.

A Rute porque confiou em mim e, obviamente porque não viu a mensagem que coloquei no forum não se preocupou mais com este assunto, eu lamentavelmente não insisti no contacto e também não informei a Xistarca em tempo útil, como a Rute estava em 13ª e como eu estava sem tempo, o que não pode justificar tudo, deixámos este assunto arrastar-se no tempo até culminar nesta lamentável situação.

Está fácil de perceber que a Rute deu conta do que fez, também se percebe fácilmente que rapidamente me deu conta da situação, eu, por falta de tempo ou por qualquer outro motivo não informei a Xistarca, a responsabilidade é exclusivamente minha! Foi isto que transmiti ao sr. Paulo Andrade que, por sua vez não aceitou a minha responsabilidade insistindo em chamar-me batoteiro e a toda a "Açoreana Clube Banif"!!!
Para alguém que se diz tão correcto não teve a educação de responder a dois mails da Rute Matos a pedir-lhe desculpa pelo sucedido, a ele e á sua companheira por tê-los prejudicado com esta sua atitude.
Não aceitou qualquer explicação e após esta troca de mails e depois de tudo devidamente esclarecido decidiu vir para o forum, "após muito ponderar", publicar uma grande batotice ocorrida na Maratpna de Lisboa, batotice esta que se deveu apenas a um "triste" incidente devidamente reportado, infelizmente não tendo sido tratado de forma célere como o assunto pedia pelo responsável da ACB, neste caso pelo seu coordenador Jorge Serra, eu próprio.

Ninguém mais que eu abomina situações de batotice, podem abominar de igual forma, mas não mais que eu!

Alguém falou num triste episódio em que um atleta da ACB correu com o dorsal da Rute numa Meia-Maratona da Moita e ainda por cima foi levantar 25€ de prémio, eu tive conhecimento desse episódio algum tempo depois dele ter ocorrido, a pessoa que cometeu essa incorrecção além de uma forte repreensão, foi afastada da ACB.

Como imaginam não é fácil gerir uma equipa com cerca de 100 pessoas, sendo que 80 fazem 3 provas por ano, 60 fazem 5 e 40 fazem mais de 30 provas por ano, temos atletas a fazer 60 provas por ano. Além do núcleo de Atletismo criámos também o núcleo de Triatlo há dois anos que conta neste momento com 14 Triatletas dos quais faço parte além de ter igualmente assumido a coordenação.
No Triatlo fomos vice campeões nacionais em veteranos no passado mês de Julho em Aveiro, no Atletismo além de alguns pódios da Lúcia Oliveira e da Rute Matos, somos desde há cinco anos a equipa com mais Maratonistas a terminar a Maratona de Lisboa e a segunda maior na Maratona do Porto. A ACB é composta por colaboradores da Açoreana e do Banif – Grupo Financeiro, além destes temos ainda convidados que têm relações comerciais com o Grupo, é-me impossivel como principal coordenador assim como aos restantes 3 coordenadores da equipa controlar tudo o que se passa mas, creio que muito pouco foge ao meu/nosso controle.

Passo a publicar a troca de mails que tive com o sr. Paulo Andrade:


De: Paulo [mailto:pauloandrade@me.com]
Enviada: quarta-feira, 15 de Dezembro de 2010 15:47
Assunto: Batoteiros


“Exmos. Senhores,

Escrevo na qualidade de companheiro de uma pessoa que foi prejudicada na última Maratona de Lisboa.
A pessoa em causa está extremamente desapontada mas não quer ver o seu nome envolvido no acontecimento.

Uma atleta de nome RUTE MATOS que participou na Maratona a representar a AÇOREANA C BANIF não cumpriu o percurso da prova e encontra-se classificada!

Para fazer tal afirmação demo-nos ao trabalho de verificar todas as possibilidades, e não temos dúvidas em afirmar que esta senhora fez batota.

Na verdade a minha companheira ultrapassou a pseudo-atleta RUTE MATOS junto aos 35KM (na Av. Ribeira das Naus, após o Cais do Sodré) quando esta caminhava.

Qual o seu espanto ao verificar que ela tinha chegado à sua frente sem que a tenha ultrapassado novamente.

Nestes 10 dias estivemos a falar com outros atletas que confirmaram o facto. Não temos dúvidas, houve batota!

Face a isso exijo que o facto seja público de notório de forma a ser reposta a verdade e evitado que essas situações voltem a ocorrer.

Agradeço que respondam ao meu email com tudo o que fizerem para reposição da verdade (num país em que tanto se fala na verdade desportiva) e divulgação do facto para que outros pseudo-atletas não façam o mesmo.

Irei enviar este email a todas as pessoas que julgo ter poderes para defender o desporto.

Se na alta competição tal situação é inaceitável, junto de modestos atletas de pelotão, tal situação é vergonhosa!
Não é que a subida da minha companheira do seu lugar em uma posição afecte a sua vida, porém a classificação entre os 10 primeiros deve possuir alguma honestidade.

Melhores cumprimentos

Paulo Andrade"


On 15 Dec, 2010,at 05:02 PM, JORGE SERRA <jorge.serra@acoreana.pt> wrote:

“Caro Sr.,

Primeiro quero informa-lo que efectivamente a nossa atleta Rute Matos não percorreu todo o percurso da última Maratona de Lisboa, tendo-me informado desse facto após ter concluído a prova e, pedindo-me para informar a organização.

Como está fácil de perceber eu não informei a organização, tentei falar com a Rute para lhe transmitir que deveria ser ela a informar a Xistarca mas, não consegui contacta-la.

A Rute inicialmente estava classificada em 13º lugar e sinceramente não me preocupei muito com este assunto, só mesmo quem não conhece a Rute e a Equipa de Atletismo “Açoreana Clube Banif”, pode escrever um mail deste teor.

A Rute Matos é uma pessoa de bem, não precisa nem nunca precisou de qualquer tipo de batota, além disso é uma pessoa extremamente acessível tendo uma excelente relação com todas as companheiras do nosso pelotão.

Como coordenador da “Açoreana Clube Banif”, assumo toda a responsabilidade relativamente a este assunto, lamentando ter alimentado tamanha polémica!

Com os melhores cumprimentos,

P. S. – A Rute Matos já informou a Xistarca desta ocorrência.”


Jorge Serra

Direcção de Tecnologia e Informação

Av. Barbosa Du Bocage, nº 85 – 1050-030 Lisboa

217984128 / 963848082

www.acoreanaseguros.pt


--------------------------------------------------------------------------------

"Exmo. Senhor,

Da sua resposta só concluo que é conivente, para não dizer apoiante, desta batota:
- a confissão só ocorre após terem sido apanhados
- as fotos provam que a batoteira terminou a prova como nada fosse, ou seja, a tentar passar despercebida

Do seu último parágrafo só posso concluir que o maior batoteiro é o senhor e a equipa que coordena.

No mínimo, lamentável.

Paulo Andrade”


A minha "estúpida resposta" a este incompreensível mail:


“Da minha resposta deve concluir que se o sr. e a sua companheira não fossem tão estúpidos, bastaria simplesmente terem falado com a Rute ou comigo e não teriam estupidamente perdido tempo a tentarem provar algo que estava obviamente mais que provado! Poderiam ainda ter falado com a Xistarca que certamente nos contactaria!

Quando quiser chamar batoteira à equipa que coordeno, tenha coragem e faça-o na cara!

Este foi o último mail que troquei consigo, a partir daqui os seus mails vão directos para o lixo!

Cumprimentos,"


Publico também o 2º mail que a Rute Matos enviou ao sr. Paulo Andrade do qual mais uma vez não obteve resposta:


“De: anarutematos
Enviada: qui 16-12-2010 11:09
Para: Paulo
Assunto: RE: RE: RE: Batoteiros
Bom Dia,

Não sou "esperta" nem quis prejudicar ninguém.
Sou uma pessoa honesta com mais de 50 maratonas sem necessidade disto.
É verdade que passei a meta, passei mal estava desorientada e fui beber e comer e descansar. Entreguei o chip e não quis a medalha. No minuto a seguir avisei o meu clube ( tenho prova no meu telemóvel), do que tinha feito e para avisarem a organização. Não sabia que só eu o poderia fazer e sinceramente não liguei mais porque isso não implicava com prémios.
Não tive qualquer intenção de prejudicar a sua companheira nem ninguém.
Lamento ter feito o que fez sem ter a coragem de falar comigo primeiro. Andou a difamar-me.
Já enviei a carta à Xistarca e já lhe pedi desculpa.
Assunto encerrado

Rute Matos”


Como referi anteriormente, a Rute enviou dois mails a este sr., mails estes que este sr. tão digno e correcto não teve a dignidade de responder.

Quanto à minha resposta, quem me conhece sabe que tenho tanto de correcto como de frontal e bruto, não é Fernando Andrade e Carlos Fonseca?!

Fico sinceramente com a sensação que o sr. Paulo Andrade tinha um discurso preparado e que independentemente de qualquer resposta que obtivesse da nossa parte teria obrigatoriamente de nos chamar batoteiros!

Eu, tal como a própria Rute fomos os primeiros a condenar e lamentar esta situação.

Por último, Eduardo Santos peço desculpa por só vir ao forum por extrema necessidade, felizmente o meu utilizador ainda estava activo, obrigado.

Como costumo dizer á minha malta, "a vida é o melhor desporto" in Sport LIfe.

Desejo um excelente ano de 2011 a todos, com muitas e boas provas, principalmente com muito desporto e pouca batotice embora a batotice fique acima de tudo na consciência de quem a pratica!

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Jorge Serra em Qua Dez 29, 2010 11:11 pm

Coloquei mais uma mensagem no forum do Mundo da Corrida relativamente a este assunto, por me ter esquecido de fazer um agradecimento a alguém muito especial...

Passo a publicar:

"Esqueci-me de referir algo de extrema importância que aconteceu durante este debate, a defesa da honra da ACB, da Rute Matos e de mim próprio por parte do meu querido Amigo Fernando Andrade que, através da sua escrita subtil mas muito assertiva e inteligente, nos defendeu de uma forma isenta apesar da amizade, obrigado Fernando.

O meu contributo apesar de extemporâneo, aconteceu na altura possivel e, só aconteceu porque a Rute me merecia este esclarecimento, independentemente do timing.

Um abraço."

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Jorge Serra em Seg Jan 03, 2011 12:07 am

Último post:

"Pois é sr. Paulo Andrade, também eu tive de voltar ao fórum!

Quem me deu o direito de publicar a “nossa correspondência” foi o sr. quando decidiu inicialmente publicar o meu mail!

O sr. não me conhece de parte alguma mas continua a ser injurioso, calunioso, mentiroso, extremamente incorrecto e mal educado comigo e com a minha equipa!
Tal como a Clara muito bem referiu, tudo se podia ter resolvido sem qualquer necessidade de todo este espalhafato no fórum, se o sr. e a sua companheira tivessem aceite as desculpas da Rute e a explicação que vos dei admitindo de imediato o que aconteceu e como. Mas não, não foi suficiente, além de não ter tido a educação de responder à Rute, teve que dar conhecimento público da situação independentemente das pessoas ou instituições em causa! Merece bem o que lhe chamei!

Também já estou farto das suas ameaças, é muito fácil encontrar-me, estive nas S. Silvestres de Lisboa (fomos 61 ACB’s), Olivais (29) e Amadora (19), fomos a equipa com maior nº de participantes nas três provas.
Estou sempre equipado a rigor com as cores da ACB, basta perguntar por mim a alguém da minha equipa. Além disto, a minha morada profissional assim como os meus contactos, estão na minha assinatura nos mails que lhe enviei, é suficiente?!

Virão agora os profetas da desgraça dizer, então o sr. Paulo Andrade não está carregadíssimo de razão?! Devia ter escondido algo tão grave quanto isto?! Quem é o incorrecto aqui afinal, o sr. Paulo Andrade e a sua companheira (que afinal até tem nome), que estão cobertíssimos de razão?!
Caros Forunistas, existem formas e formas de resolver as situações.

Alguém acha correcto o que a Rute fez?! Obviamente que não!
Quando enviou os mails ao sr. Paulo Andrade a pedir desculpa, a ele e à sua companheira, passou a ser menos culpada por isso?! Obviamente que não?!
Mas a Rute teve essa capacidade, errou e pediu desculpa. Será que todos os que debateram este tópico têm ou tiveram sempre esta capacidade?!
Eu como coordenador da equipa, assumi a falta da minha atleta, falta que me foi transmitida no devido tempo, assumi perante o sr. Paulo Andrade e a sua companheira toda a responsabilidade relativa a esta questão. Apesar de tudo isto sou conotado de batoteiro, eu e toda a minha equipa?!?!?!
Existem formas e formas de explanar as situações.

Quer-me parecer que em todo este debate, tirando algumas raras excepções, andaram quase todos a chover no molhado!

Existem também alguns Forunistas que pensam ser donos da razão, defender tarde é mau, sem dúvida, mas, é melhor tarde que nunca!

Por outro lado, a Clara (que ainda não tenho o prazer de conhecer), ficou mal na fotografia a fazer uma análise tão sensata e concisa desta situação?!
Vem tarde?! Para quem?!

Existem também por aqui pessoas bastante desatentas, tal como já escrevi a Rute pediu desculpa por duas vezes ao sr. Paulo Andrade e á sua companheira, os seus mails não tiveram qualquer resposta, a resposta veio posteriormente através deste fórum!
Aqui está alguém correcto e educadíssimo.

Açoreana Clube Banif:
Companheirismo é algo de extraordinário que se constrói quando existe amizade e respeito!
Criticar a atitude da Rute não é criticar a Rute, existe alguém infalível?!
Defenderei sempre os meus atletas na praça pública, com conta peso e medida obviamente, mas, jamais serei desleal para com qualquer um deles.

A lealdade é algo que não se compra, ou se tem ou não! E quem não a tem, não a pode compreender!
Lições de amizade e companheirismo, como diz o nosso Presidente da Republica, terá de nascer duas vezes para me dar qualquer lição deste género sr. Paulo Andrade, a mim ou a qualquer elemento da minha equipa.

O ambiente que se vive na ACB é singular, não será único com certeza mas singular, é algo que transparece, é observado e sentido por quem muitas vezes nos rodeia e com quem connosco convive, não existem segredos nem pessoas especiais, nós nunca exigimos resultados, mas há algo que sem dúvida exigimos, bom ambiente e que tragam algo de positivo com valor acrescentado.

Até hoje, e já lá vão 13 anos de aventura desde que o meu amigo Francisco Pereira me lançou o desafio e se aventurou comigo nesta viagem, apenas tive de convidar três pessoas a sair da equipa, felizmente temos bastantes amigos e conhecidos que gostariam de fazer parte deste projecto o que, por vários motivos não é possível.

Somos actualmente a equipa mais numerosa em 90% das provas realizadas na Área Metropolitana de Lisboa, somos a equipa que mais dinheiro dá a ganhar à Xistarca e respectivas organizações, somos apoiados por um grupo financeiro que tem como grande objectivo fomentar o desporto, daí os nossos patrocínios às grandes provas do atletismo nacional como a Meia-Maratona de Lisboa ou de Portugal, como foram as três primeiras edições da Maratona do Porto, ou da equipa de atletismo do Sporting, modéstia à parte em todos estes patrocínios estive envolvido.

Por último, repetindo o que anteriormente já referi, A BATOTICE FICA SEMPRE COM QUEM A PRATICA, PELO MENOS EM CONSCIÊNCIA!

Um abraço e boas corridas."

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Jorge Serra em Seg Jan 17, 2011 8:38 am

Mais fotos disponiveis by Lúcia Oliveira.

Jorge Serra

Mensagens : 527
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 50
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário http://www.acoreanaseguros.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Fernando Andrade em Qua Fev 09, 2011 12:29 am

Ela apenas pretendia ter mais uma p’ra juntar
À já grande colecção que tem para nos mostrar
Mas o dia não queria consigo colaborar
Tinha feito bem melhor ter ficado a descansar
Se não estava preparada, como veio a demonstrar,
Ao chegar aos trinta e cinco nem a correr nem a andar.
Apanha então um transporte que ao estádio a ia levar.
Corre mais um bocadinho, deixou-se fotografar
E passa a meta a correr para o seu chip entregar
E estando tão desgastada só se queria refrescar
Ainda lhe dão a medalha, que ela veio a recusar
E disse ao chefe da equipa que teve de abandonar
E p’ra dizer à Xistarca p’ra não a classificar
Pois agora o que ela queria era apenas descansar.

Mas havia por ali quem estivesse a aguardar
Pela sua companheira que estaria p’ra chegar
E quando ela enfim chegou já sem fôlego p’ra falar
Apressou-se a ver a lista que a ia classificar.
-Eh lá ! então como é que esta se veio a classificar?
Tendo ela vindo de metro, veio roubar-te um lugar!
É batoteira, só pode! Vou ter de a denunciar
Pois corredoras como esta, tem de se desmascarar!
Mas a mim, não me convém ter de me identificar
Para que não digam coisas que me possam chatear.
Arranjarei um bom nome, o melhor que eu inventar
E direi que até nem corro; só ando … e a coxear
E que a minha companheira ficou em casa a chorar
Por tamanha batotice que a veio prejudicar
Ela que tanto treinou para poder triunfar!”

Assim pensou e no fórum tratou de se registar
Com o tal nome catita para ninguém suspeitar
E é chegado o tal momento em que iria revelar
O bombástico segredo que o mundo iria pasmar .
Sendo a Rute conhecida, por tanto participar
Tão triste comportamento custaria a acreditar
Mas logo ela se explicou e pediu para a desculpar
Que aquilo que menos queria era poder prejudicar
Não pensou bem no que fez, pois estava a desidratar
E também tinha pedido p’ra não se classificar
Mas qualquer coisa escapou e a bronca estava no ar.

Não quis as explicações nem desculpas aceitar
Volta à carga, engrossa a voz, pois não pode perdoar.
E quando gente de bem à razão o quer chamar
Diz que isto não tem perdão, só há que moralizar
Nem consegue perceber como é que se pode estar
A defender a faltosa e a ele estão a atacar.
E a equipa a que pertence também devia levar
Que só lá há batoteiros também a querer enganar.
Até disse, bem convicto, que se iria apresentar
Portador de uma mensagem que seria lapidar
“P’la verdade desportiva” que nos deve acompanhar.
Mas depois, pensou melhor e achou que se ia arriscar
Que por ser tão verdadeiro, talvez pudesse apanhar.
E o pessoal da ACB, fartou-se de o procurar
E ele a rir-se p’ra dentro, ficou ali, a gozar.
E a Lúcia, não vai de modas, nada tinha a recear,
A mensagem prometida é ela que a vai levar.

De tão grande intransigência não se poder libertar
Havia moira na costa. Tinha que se investigar.
Astuto, o dono da casa, conseguiu descortinar
Que o sinal do delator não era de um mas de um par.
Vêm depois os avisos e havia que os respeitar
Mas sem dar parte de fraco, ele ousou continuar.
De careca descoberta, sem nada a dissimular
Ainda deu uns sinais que não se iria entregar
Mas defender a verdade quando se está a aldrabar
Faz com que não se acredite em quem nos está a pregar.

E deu estórias, deu ficção, em tribunais a brincar
E o Valdemar Damião fez julgamento a reinar.

Já tudo se preparava para finalmente acabar
Quando vem jurisprudência do lado de lá do mar
E então um juiz ao sério, com conversa de arrasar
Cala de vez o queixoso e põe-no no seu lugar.
avatar
Fernando Andrade

Mensagens : 195
Data de inscrição : 15/11/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 05-Dez-2010 - 25ª Maratona de Lisboa

Mensagem  Lúcia Oliveira em Qua Fev 09, 2011 9:07 am

BRAVO!! BRAVO!!! BRAVO!!! Very Happy
Só mesmo o Fernando para rimar!!! Razz

Lúcia Oliveira

Mensagens : 359
Data de inscrição : 16/10/2009
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum